Dicas de Guarda: O Vinho Só Quer Sossego

Você já deve ter ouvido falar que o vinho nasce, chega ao seu apogeu e, em seguida, declina até perder a vitalidade. Porém, se bem armazenada, uma garrafa pode durar mais do que se imagina.

wines-958451_640

Posição da Garrafa: o ideal é que esta seja acondicionada na horizontal, a fim de que o vinho mantenha a rolha sempre molhada, evitando seu ressecamento e oxidação.

Temperatura: quem não possui uma adega climatizada em casa deve ficar bem atento ao local em que irá armazenar as garrafas. Recomenda-se um lugar fresco, de temperatura estável, entre 14 e 18ºC. Locais quentes demais aceleram a maturação da bebida, enquanto que os demasiadamente frios, como a geladeira, impedem sua evolução.

Uma boa dica para quem não dispõe de uma adega é colocar os exemplares deitados no chão, preferencialmente num piso frio e ao abrigo da luz, onde as garrafas possam estar bem quietinhas, sem sobressaltos.

Umidade: garrafas guardadas em locais muito úmidos estão sujeitas a ter o rótulo e a rolha embolorados e vale lembrar que rolha embolorada estraga o vinho. Conforme mencionamos no tópico anterior, é importante evitar locais em que haja trepidação.

Luz: vinhos adoram um escurinho. A luz inicia reações químicas que podem danificá-los. Mesmo que uma garrafa escura seja um bloqueio contra a luz, é importante deixá-la em lugares com baixa iluminação.


Então, amigos, são dicas muito fáceis de serem colocadas em prática. E nem precisa ter adega em casa. Porém, hoje em dia é possível encontrar exemplares muito charmosos e de bom custo-benefício.

CONFIRA AQUI 7 MODELOS DE ADEGAS SIMPLES, LINDOS E FUNCIONAIS 

Eu sou do tipo que não consegue guardar garrafas por muito tempo. Mesmo aquelas que poderiam evoluir por mais alguns anos, fatalmente acabam sendo abertas em uma ou outra ocasião.

Típico de pessoas ansiosas, não é mesmo? Mas tenho amigos que curtem colecionar rótulos de guarda, mais caros. Admiro quem consegue! Afinal, após algum tempo, certamente o vinho terá muito mais a oferecer em termos de aromas de complexidade aromática e gustativa. Só provo esses caldos evoluídos nas aulas ou na casa dos outros, pois não consigo mesmo guardar! (rs).

No entanto, isso não me impede de desejar um exemplar digno de deixar bem quietinho. Estou à procura. Será um ótimo teste emocional..eheheheh..

É isso, galera da enofilia! Usem essas dicas com sabedoria! Seus vinhos agradecem!

Bom domingo! Bons Vinhos! Santé!

 

Um comentário em “Dicas de Guarda: O Vinho Só Quer Sossego

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s