Vinho Laranja:Moda Passageira ou Veio Para Ficar?

O mundo do vinho tem me surpreendido a cada dia. A versatilidade dos rótulos e a dedicação de viticultores que se esforçam para conquistar nosso paladar não têm limites. Ao me deparar com diversas matérias sobre o VINHO LARANJA, considerei, no mínimo, curioso.

wine-314999_640

Basicamente, são brancos com um período mais longo de contato das cascas com o suco da uva. Pelo que entendi, a produção lembra um pouco a dos rosés, porém, neste caso são as cascas das uvas brancas que entram em contato com o mosto. A cor é extraída da casca e, no caso dos laranjas, pode ir do dourado ao cobre.

Grande parte da bebida é guardada em ânforas de barro e capta sua influência. Essa era a forma tradicional de se armazenar vinhos na antiguidade. Na Geórgia, os vasos ou ânforas, chamados qvevri, são fechados e lacrados com cera de abelha e enterrados.

FÁCIL DE HARMONIZAR

Uma das razões pelas quais o vinho laranja vem se tornando o queridinho dos sommeliers em todo mundo está o fato de que este possui uma maior versatilidade na combinação com a comida. Os exemplares caem superbem com peixes, frutos do mar, pratos bem-temperados, como os da cozinha indiana e tailandesa, além de alguns pratos da cozinha brasileira, sem falar em carnes, inclusive a de cordeiro em receitas que geralmente pediriam um tinto.

BIODINÂMICOS

A maioria dos vinhos laranjas é produzida como os orgânicos, sem o uso de pesticidas, fertilizantes ou leveduras industrializadas. Muitos não são filtrados e chegam a ser um pouco turvos, o que pode nos levar a um certo estranhamento ou impressão de que possuem algum defeito.

DEGUSTAÇÃO

Ainda não experimentei um vinho laranja, mas sabe-se que possui aroma distinto dos brancos normais. Ao olfato, costuma lembrar frutos secos (laranja seca, nozes, amêndoas, damasco e ameixa seca etc), com notas oxidativas ou terrosas, além de especiarias (açafrão, mel e cera). Pelo longo período do contato da casca com o mosto, são bebidas com tanicidade de diferentes níveis, associada a tintos mais leves.

MÁ NOTÍCIA: VALOR SALGADO

Por enquanto, ainda não vejo meios do vinho laranja se popularizar junto aos consumidores, haja vista o seu preço um pouco fora da realidade da maioria dos enófilos. Os valores giram em torno de R$150 a R$629 no site da Decanter, um dos poucos que oferece este tipo de vinho.

ORIGINÁRIOS DO CÁUCASO, PRODUÇÃO ITALIANA

O responsável pela retomada desta técnica e também por fazê-la se espalhar pelo mundo foi o italiano Josko Gravner, no ano 2000. Desde então, países do Cáucaso (onde está a Geórgia, berço do vinho laranja), voltaram a produzir a bebida. No entanto, os rótulos mais conhecidos se encontram na Itália, sobretudo do Friulim e da Eslovênia.

3796113_05bde1dd19

Se esta moda vai pegar de verdade, principalmente conosco, meros mortais, só mesmo o tempo será capaz de dizer. Ou seja, acredito que nem tão cedo os vinhos laranjas tomarão conta das prateleiras dos supermercados com exemplares a preços acessíveis.

Mas, estudar sobre a cultura do vinho e aprender sobre a bebida dos deuses é um prazer que com certeza não tem preço!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s