Conheça a Vindima Mais Perigosa Do Mundo

A Ribeira Sacra é a área da Galícia que compreende os rios Sil, Minho e Cabe. Trata-se, basicamente, da região situada entre o sul e o norte da Rodovia Lugo-Orense, na Espanha.

article-0-18b5bbc200000578-738_964x566

VITICULTURA HEROICA

Agora, imagine colher uvas em uma encosta com 85% de inclinação, com solo de ardósia e granito? Em seguida, carregar caixas pesadas, promovendo verdadeiras acrobacias com as uvas, esquivando-se das videiras, chegar ao seu destino para aí, então, finalmente, carregá-las em um barco que as transportará para o continente. Sim, é um trabalho arriscado, duro, cansativo.

Ao meu ver, só não é mais perigoso que as vindimas da época da Primeira Grande Guerra, quando os camponeses colhiam suas uvas em meio aos estouros das bombas. 

A paisagem revela pequenos abrigos nas encostas. Neles, algumas famílias repousam nos tempos da colheita. Por essas, até hoje ela é chamada de Viticultura Heroica.

RIBEIRA SACRA E A HISTÓRIA

A região da Ribeira Sacra remonta 2.000 anos, sendo que foram os romanos que plantaram suas primeiras videiras. Em seguida, os monges católicos aprimoraram a técnica. Assim como em outras regiões da Espanha, no século XIX, as videiras foram atacadas pela phylloxera vastratrix – um pulgão que se proliferou como rastilho de pólvora sobre toda a Europa, dizimando tudo à sua volta.

article-2457492-18b5b88e00000578-952_964x639

Anos mais tarde, veio a Guerra Civil. Muitas terras foram abandonadas, pois sobretudo os jovens abandonaram suas aldeias para viver na cidade. Felizmente, no final do século XX, um grande número de moradores retornaram à Ribeira Sacra. Logo, as vinhas floresceram novamente para se tornarem o que são hoje, o pilar da Denominação de Origem de Ribeira Sacra. Hoje, a região conta com  90 vinícolas, que produzem cerca de 4 milhões de litros de vinho.

DENOMINAÇÃO DE ORIGEM DE RIBEIRA SACRA 

De acordo com a sua Denominação de Origem, Ribeira Sacra produz, principalmente, rótulos tintos, embora os brancos também desenvolvam expressões muito interessantes.

A Mencía é a varietal mais cultivada, resultando em vinhos jovens altamente aromáticos e frutados. Os vinhos Mencía são de coloração cereja intensa e brilhante, com reflexos violáceos. De acidez equilibrada, são bem potentes em taninos e teor alcoólico. Entre os rótulos brancos, de produção menor, destacam-se aqueles elaborados com as uvas Godello e Albariño.

Agora, confira algumas imagens desta que é uma das Vindimas mais belas, perigosas e surpreendentes do mundo do vinho.

article-0-18b5b85e00000578-147_964x600

article-2457492-18b5b99a00000578-284_964x618

article-2457492-18b5b96600000578-332_964x643

article-2457492-18b5bb8a00000578-850_964x641

article-0-18b5b98300000578-950_964x601

article-2457492-18b5bcb100000578-141_964x637

article-2457492-18b5bb9200000578-323_964x640

article-2457492-18b5b8de00000578-941_964x593

Então é isso, pessoal! Achei muito interessante e, antes dessa pesquisa, eu realmente não tinha ideia de como era a Vindima numa região tão íngreme e difícil.

Bons Vinhos! Tim-Tim!

Referências:

http://www.dailymail.co.uk/news/article-2457492/Spanish-fruit-pickers-collect-grapes-precarious-Riberia-Sacra-hills.html

https://okdiario.com/economia/2016/05/27/ribeira-sacra-vendimia-peligrosa-168438

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s