Wine Decor: Barricas Recicladas Deixam a Casa ainda Mais Bonita (Parte 2)

2018 começou com tudo e lá fui eu garimpar ideias de decoração para vocês. Início de ano é sempre assim: a gente quer deixar a casa ainda mais bonita e cheia de boas vibrações. Pensando nisso, trouxe mais um post com ideias para decorar a vida com barricas que não servem mais para amadurecer o nosso amado néctar de Baco.

Então, bora admirar e babar por esses objetos incríveis!

Cooler de Bebidas

apoio para tablet
Apoio para tablet
bau
Baú ou Mesinha de Centro? Você escolhe!
apoio para velas
Apoio para Velas ou Vasos de Flores
fonte
Essa fonte enfeita qualquer jardim e, de quebra, você ainda relaxa com o barulhinho da água.
cabideiro
Cabide para bolsas, casacos e chapéus.
fruteira
Fruteira linda para a cozinha
luminária
Essa luminária deixa qualquer ambiente aconchegante e intimista.
revisteiro
Revisteiro lindinho de viver

Espero que tenham gostado dessas ideias. Confesso que já estou sonhando em ter alguns desses objetos em casa. Mas sabe o mais legal de tudo? É que as barricas de carvalho são capazes de engrandecer e agregar nuances tanto aos vinhos quanto ao lar. Missão encantadora!

Então é isso, galera do vinho! Ótimos rótulos, Bons Momentos! Tim-Tim!

Referência: Big Wine Theory

Como as Rolhas São Fabricadas?

Está aí algo que bem antes de ser apreciadora de vinhos eu já me perguntava. Então, eu já sabia que o material das rolhas era natural e extraído da natureza. Mas, como eram feitas? Curiosa do jeito que sou, fui logo enveredar-me pelos sites de busca, a fim de solucionar minha dúvida.

cork-508427_640

E descobri que a cortiça vem de uma árvore linda, chamada Sobreiro, muito comum em Portugal. Realmente, quando estive na terra de Camões, em 2015, vi muitos deles ao longo de toda a rodovia, grande parte com as cascas de seus troncos cortadas.  Mas, como isso é feito mesmo? Bora descobrir!

O SOBREIRO

O sobreiro, sobro, sobreira ou chaparro (Quercus suber) é uma árvore da família do carvalho, cultivada no sul da Europa e a partir da qual se extrai a cortiça. O sobreiro é, juntamente com o pinheiro-bravo, uma das espécies de árvores mais predominante em Portugal, sendo mais comum no litoral do Alentejo e serras do Algarve.

Carlos_de_Bragança_01

O sobreiro também fazia parte da vegetação natural da Península Ibérica, sendo espontâneo em muitos locais de Portugal e Espanha, onde constituía, antes da ação do homem, frondosas florestas em associação com outras espécies, nomeadamente do gênero Quercus.

ROLHAS E CORTIÇA

Pois é, amigos, apesar dessas árvores serem numerosas na Europa, a demanda da indústria vinícola é tão grande que não se satisfaz com a oferta da matéria-prima. Afinal, uma vez atingida a idade adulta, a árvore produtora de cortiça só pode ser “colhida” a cada 9 anos (o processo é manual e retira apenas a casca, não causando qualquer tipo de dano à planta). Vale lembrar, ainda, que as cortiças de melhor qualidade são desenvolvidas após 25 anos. Ou seja, trata-se de um produto natural seletivo e, ao mesmo tempo, caro para as empresas.

De fato, os sobreiros começam a produzir depois de 15/20 anos, mas a primeira cortiça (chamada de cortiça macho) que vem retirada é de péssima qualidade: ela volta a crescer depois de 9/12 anos, chegando a 5 cm de espessura, sem as irregularidades e defeitos do primeiro ciclo. Nesta altura a cortiça fêmea está pronta para ser cortada.

PRODUTO CARO

As melhores rolhas, de 4/5 cm de comprimento e sem defeitos custam na Europa mais que umas garrafas de vinho barato, mas garantem duração medível em décadas. Para todas as outras o destino está decidido: após 10 anos, a rolha se estraga, com tendência a se esfarelar com o uso do saca-rolha ou, então, tem poros demais e, conseqüentemente, pouca resistência ao oxigênio.

PROCESSO DE PRODUÇÃO

E, agora, prontos para matar a curiosidade? Então, vamos explicar com o máximo de detalhes possíveis como as nossas queridinhas são fabricadas. Atenção às legendas!

cortiça0
O ano de vida da árvore é marcado no tronco, de modo que a mesma não seja cortada na hora errada.

cortiça
A etapa do corte é a mais delicada. É retirado somente o felogênio, deixando intactos os extratos sucessivos, a fim de não prejudicar o recrescimento. A operação é feita minuciosamente de forma manual, a golpes de machado.
cortiça2
Desta forma se parecem as cascas logo depois de serem cortadas. Em geral, as empresas maiores as guardam logo em um ambiente protegido para evitar a contaminação indesejada.
cortiça3
As cortiças passam em um fervedor, que, ao mesmo tempo, as desinfeta, limpa e as torna mais elásticas.
cortiça4
Após a ebulição, as cascas, são prensadas, esticadas e submetidas a uma primeira seleção. As sobras da produção serão usadas para as rolhas técnicas: feitas de lascas de serragem coladas e prensadas.
cortiça5
É hora da perfuração, uma fase importantíssima: deve-se escolher as melhores partes da cortiça para “extrair” as rolhas.
cortiça6
A primeira seleção é feita com um leitor óptico. Um jato de ar vai dividir as rolhas conforme qualidade e medidas.
cortiça9
A etapa final é a seleção, feita manualmente. As rolhas oriundas de um único pedaço de cortiça são divididas por tamanho (altura), porosidade e eventuais pequenas lesões. Cada fabricante pode ter até cinco variedades diferentes no catálogo de uma rolha mono-peça variando de um custo mínimo de 0,20 centavos a 1,50 centavos de dólar por garrafas.

Vale lembrar que Portugal produz 60% de toda a produção mundial, seguido por  Espanha e Itália. Pequenas parcelas procedem de Marrocos, Argélia e Tunísia.


Fiquei muito feliz em escrever esse post, pois quando a gente realmente aprecia algo, sente sim, curiosidade de saber como tudo é feito. Sendo assim, ao desarrolhar uma garrafa, percebemos mais ainda o quanto de história a mesma carrega – não só de quem produz as uvas e o vinho, mas daqueles que cultivam essas lindas árvores, responsáveis pela fabricação das rolhas que vedam com tanto esmero as nossas preciosidades.

Quem acompanha o Vila, sabe o quanto sou louca por rolhas! Elas estão presentes na identidade visual do blog, inclusive nas redes sociais. Sem falar que volta e meia dou ideias do que fazer com elas. Além de colecionar e vê-las lindas num pote, podemos, ainda, criar mil e um objetos lindos de artesanato. 

Boa semana! Ótimo vinhos! Tim-Tim!

Referências:  Wineanorak, Wikipedia.

Wine Decor: Mais Ideias Mirabolantes Com Vinhos

O pessoal já estava me perguntando sobre as postagens de decoração. Pois é, sou apaixonada por todo objeto feito com rolhas, garrafas e tudo mais. Por isso, hoje trouxe mais algumas fotos maravilindas para vocês. Muitas ideias na cachola para deixar a casa ainda mais bonita.

09b4db0ae7ab41dc6ea69ab0ea20e66c
Se eu tivesse uma loja de vinhos eu nunca que iria deixar essas caixas rolando por aí. São lindas, com os selos das vinícolas. E de madeira, um charme!
16_rolhas-de-vinho-na-decoracao
Imagine passar de um cômodo a outro da casa com uma belezura dessa na passagem. É a famosa cortininha de contas em versão rolhas. De tão lindo chega a ficar sofisticado. Opção certeira para restaurantes de decoração rústica.
decoracao-garrafas-vinho-flores
Fato: Garrafas de Vinho e Flores foram feitos um para o outro.
enodecoracao-decoracao-sustentabilidade-garrafa-vinho-12
Aquele momento relax na banheira fica ainda mais perfeito com essas velas. Lindo de tudo!
decoracao_casamento_lueleo11_zpsf6aa606e
Ownnnn…. Essas cúpulas são muito amor. Como centro de mesa, então, ficam irresistíveis.
garrafas-decoracao
Assim como as flores, as velas também nasceram para ocupar nossas amadas garrafas. Lindo!
garrafas-de-vinho-na-decoracao_revista-zaz-4
E esses pendentes de garrafas? Charme garantido para a cozinha e até para a mesa de jantar.
rolha-de-vinho-na-decoracao-abajur
Essa cúpula de abajour elaborada com rolhas parece fácil de fazer. E olhem o resultado, como é lindo e ao mesmo tempo diferente!

Então é isso, galera da enofilia. Esse artigo sairia na próxima segunda-feira, mas como tenho outros planos, resolvi trazer essa belezura para vocês hoje mesmo. E sabem como faz para cortar a garrafa desse jeitinho? Enrole com um barbante embebido em álcool em torno dela. Depois, com o auxílio de um fósforo ou isqueiro, coloque fogo no barbante. ATENÇÃO, muito cuidado na hora do processo, a fim de evitar acidentes. Depois que fizerem, não se esqueçam de me enviar a foto ou postar no instagram com a hashtag #vilaviniferawinedecor.

Boa sexta! Bom final de semana! Ótimo vinhos! tim-Tim!

15 Adegas Subterrâneas Inacreditáveis

Se você é apaixonado por vinhos e mora em grandes espaços, que tal investir numa bela adega? Acredite, algumas colocam muitos closets de roupas no chinelo! Outras são verdadeiros bistrôs particulares. E, obviamente, todas elas povoam o imaginário dos enófilos de plantão.

PARAÍSOS SUBTERRÂNEOS

Muitas vezes esse tipo de adega é subterrânea e moldada sob medida para sótãos e garagens. Porém, nada impede que você planeje a sua naquele cômodo improdutivo da casa, que só serve para acumular bagunça.

Infelizmente não tenho espaço disponível para isso, apesar de amar de paixão o meu apezinho aconchegante. Mas nem por isso eu deixo de admirar as adegas maravilhosas com as quais me deparo por aí. Sendo assim, hoje trouxe para vocês 15 viníferas belezinhas:

clasico-bodegaEspaço criado por Ajform Architecture & Interior Design

mediterraneo-bodega
Espaço Criado Por KW Designs 
contemporaneo-bodega
Espaço Criado por Saphire Spaces
clasico-bodega-1
Espaço Criado Por Hill Custom Homes

 

mediterraneo-bodega-1
Espaço Criado Por Smyth and Smyth
mediterraneo-bodega-4
Espaço Criado Por Eric E Flanders, AIA – Doyle Coffin Architecture
clasico-bodega-5
Espaço Criado Por Abruzzo Kitchen & Bath
clasico-bodega-6
Espaço Criado Por Charles Hilton Architects
mediterraneo-bodega-5
Espaço Criado Por Stockmann Carpentry & Design Corp

 

 

rustico-bodega-1
Espaço Criado Por LBGB/LA BELLE GUEULE DE BOIS
mediterraneo-bodega-3
Espaço Criado Por Sesshu Design Associates, Ltd
contemporaneo-bodega-3
Espaço Criado Por Zorzi
industrial-bodega
Espaço Criado Por Michael Wyatt Architect Ltd
clasico-bodega-7
Espaço Criado Por Deborah Leamann 

Cada uma mais linda que a outra, né não? Como vocês já sabem, eu sou louca por projetos de decoração. E quando tem vinho envolvido, então, meu interesse é ainda maior. Quem sabe em um futuro não tão distante eu ainda terei uma adega dessas, hein? Continuo jogando na MegaSena e perseguindo meus objetivos. Esperança sempre! (rs)

Agora me diz, qual a adega que você mais gostou? Bora sonhar, não custa nada! Vai que se torna realidade!

Uma semana muito produtiva para todos nós! Com muitos vinhos e amigos. Tim-Tim!

7 Ideias Charmosas de Decoração Com Rolhas

Vocês sabem que sou louca por vinho e decoração, né? Por isso, volta  e meia trago ideias bacanas e super viáveis de serem aplicadas em casa. No caso de hoje, basta um bom estoque de rolhas para criar objetos capazes de deixar qualquer cantinho cheio de bossa.

Confira essas belezinhas e se inspire. Eu já quero os porta-velas para amanhã!

1-tapete-de-rolhas-de-cortic3a7a
Banheiro também tem que ser bonito  e esse tapetinho deixa o cômodo ainda mais aconchegante.
tumblr_n61tizwqt61sjtv4oo1_500
Chaveiros para enófilo nenhum botar defeito. Lindos de viver!
cesta-de-rolhas
Essa cestinha faz a alegria de qualquer pic-nic. Só falta os queijinhos e a garrafa do seu vinho favorito.
modelos-variados-6
Esse descanso parece simples de fazer e, sem dúvida, leva mais praticidade para a cozinha. 
cork-backsplash
Falando em cozinha, estou sem palavras com tanta belezura

 

rolha07
Esse porta-velas é lindinho de tudo. Quero muito tentar fazer!
04599559700
Poltronas profissionais, belíssimas! Me imaginei sentada em uma delas com uma taça e um livro na mão. Perfeito!

Espero que tenham gostado e que essas ideias lhes sirvam de inspiração para deixar o lar todo trabalhado na enofilia.

Boa semana! Ótimos vinhos! Tim-Tim!

 

6 Ideias de Decoração com Garrafas de Vinho

Sou apaixonada por decoração quase tanto quanto por vinhos. Por isso, toda vez que me deparo com ideias que unem as duas coisas já penso logo numa postagem sobre o assunto. Sabe aquela garrafa linda, com rótulo original e que dá a maior pena de jogar fora? Hoje trouxe algumas utilidades para ela. Aqui em casa tenho vasos de flores e alguns candelabros, todos capazes de deixar o ambiente ainda mais lindo e aconchegante.

Bora conferir todas essas lindezas? Olha só:

7_1
Os jantares ficam ainda mais românticos e charmosos com castiçais feitos com garrafas. É facílimo de fazer, basta encaixar a vela no gargalo, deixar a cera correr um pouco (para dar aquele efeito dramático) e correr para o abraço! Aqui em casa eu tenho vários! Adoro!
4
Que tal esse paliteiro superoriginal? Basta utilizar a parte mais fina da garrafa. Amarre um barbante no local que pretende fazer o corte e dê um nó. Retire-o e mergulhe no álcool ou na acetona. Depois, coloque o fio de volta na garrafa e ponha fogo nele. Espere a chama apagar e transfira a garrafa para um recipiente com água. As partes vão se soltar e, depois disso, você só precisa lixar as rebarbas para evitar acidentes. Feche a parte de baixo do porta palito com um pedaço de rolha, uma tampa ou outro objeto que preferir. Adorei a ideia!
6_1
Aqui temos dois canteiros para suculentas, que são espécies que não dão trabalho para cuidar, pois demandam pouca água. As minhas eu rego de 15 em 15 dias e só. São lindas e trazem um pouquinho da natureza para dentro de casa. 
9_1
Esses lustres feitos de garrafa são um charme à parte. Corte a parte de baixo do vidro e encaixe a lâmpada, passando o fio de alimentação pelo gargalo. Um pedaço de borracha ou de rolha ajuda a mantê-lo parado. Varie o formato das garrafas para criar uma composição cheia de bossa. 
8-cc23_cozdele_70
Mas uma ideia simples para renovar as garrafas é transformá-las em simpáticos vasos de flores. Alegra qualquer ambiente!
5
Essa é para os amantes dos pássaros! Um garrafa de vinho vazia vira um lindo comedouro para os bichinhos. Basta enchê-la com a comidinha e encaixá-la de cabeça para baixo em um suporte de madeira, que pode ser elaborado facilmente por um marceneiro. Perfeito para quem tem quintal e inclusive para a varanda do apartamento. 

Eu adorei todas, mas das que eu não conhecia, minhas preferidas foram o canteiro para suculentas e o comedouro de passarinhos. E você? Qual ideia mais te encantou?

Um bom início de semana com muitos vinhos! Tim-Tim!

Referência: Revista Casa e Jardim

7 Adegas Simples, Estilosas e Funcionais

No mundo dos vinhos, muitas vezes, menos é mais. Por isso, muitos enófilos têm deixado de lado os modelos climatizados e adotado adegas tradicionais que, de tão estilosas, já se tornaram verdadeiros objetos de decoração. 

Eu mesma tenho um desses exemplares high tech e confesso que fiquei de queixo caído com as fotos que vocês verão a seguir. E, sim, teria uma belezinha dessas em casa facilmente…

weinregal_winelet_bigblock_doppelt
Sou apaixonada por essa adega de pallets. Simples e linda!
VINCENT__42_
Ter seus vinhos sempre à mão é ótimo!
industrial-wine-rack-storage
Essa cabe em qualquer cantinho e a praticidade é garantida!
dioniso2
Beleza e sofisticação, com suporte para taças.
DSC08840a
Puro estilo!
1
Os vinhos parecem flutuar. Quase uma vitrine de loja. Linda!
001
Essa é linda, mas é a menos funcional de todas. Algumas garrafas ficam de pé e, nesse caso, não aconselho para tintos de guarda. Apenas para espumantes ou aquela garrafa de tinto ou branco jovem que você não vê a hora de abrir.

Espero que tenham curtido! Eu, particularmente, acho que design e vinho se atraem…. afinal, é cada coisa linda com que me deparo por aí que me dá logo vontade de ter aqui em casa. Mas, enquanto as dimensões do meu Ap ainda não permitem, fico só admirando e babando..rs.rs.rs..

Referência: The Big Wine Theory