Wine Drinks: Refrescante de Coco Verde e Vinho Branco

Então, enoamigos, a primavera chegou, mas aqui no Rio o clima está mais para verão do que para outra coisa. E foi pensando nisso que hoje trago para vocês um Wine Drink com estilo praiano, totalmente leve e descompromissado.

como-fazer-pina-colada-1024x1024

Amanhã combinei de encontrar os amigos na praia e nada como relaxar com um coquetel desse. Em se tratando se coco, é bem melhor que Piña Colada, na minha humilde opinião.

Ah, e ainda é uma ótima opção para quem está em busca de uma bebida light e saborosa.

ÁGUA DE COCO: UMA BENÇÃO PARA A SAÚDE

Conhecida como “água da juventude”, a água de coco, além de refrescante, é rica em potássio, cálcio e magnésio, minerais importantíssimos para a nossa saúde. Sem falar que a bebida é boa para o coração e outros músculos. Assim como a banana, ela também evita evita cãibras, porém com uma vantagem: possui quase nada de gordura e pouquíssimas calorias.

Mas atenção: a água de coco só possui benefícios se for natural. Ou seja, evite as  bebidas industrializadas, visto que as mesmas não cumprem essas funções.
Agora, imagine juntar o frescor da água de coco com nosso amado e idolatrado vinho? É benefício na certa para a saúde! Por isso, esse drink que eu vou ensinar a fazer agora é perfeito para degustar na praia, no clube, no churrasco, na balada, na beira do calçadão. A cara do Rio de Janeiro e do verão.
Prepare o caderninho e confira a receitinha:

REFRESCANTE DE COCO VERDE E VINHO BRANCO

Ingredientes:

  • 3 colheres de creme de leite light
  • 1 xícara de coco verde picado
  • 1/2 xícara de vinho branco seco
  • 300 ml de água de coco natural (Aqui no Rio eu compro na rede Hortifruti a água natural. O coco já vem aberto, com canudinho e tudo. E você ainda pode utilizá-lo na receita. Uma beleza!)
  • Cubos de gelo de vinho branco seco (Sauvignon Blanc é perfeito, devido à acidez e frescor)

Modo de Preparo:

  • Prepare os cubos de gelo com vinho branco seco
  • Bata todos os ingredientes no liquidificador
  • Coe, adicione os cubos de vinho e sirva

Como sempre, não trago nada complicado. Receita rápida e simples! Inclusive, estou com vontade de testá-la com espumante. Deve ficar ainda mais refrescante!

REMÉDIO CONTRA A RESSACA

E não é que me esqueci de falar sobre outro benefício da água de coco? Ela é perfeita para quando a gente exagera na bebida alcoólica. No dia seguinte, tome um belo de um copo desse elixir da juventude e dê adeus à ressaca. Tudo porque os carboidratos nos ajudam a repor as energias liberadas durante a ingestão do álcool.

coco-607349_960_720

Porém, tudo o que é bom, possui contra-indicações: apesar de ser ótima para a saúde, água de coco não pode ser ingerida com exageros por quem insuficiência renal, diabetes e hipertensão. Ou seja, assim como qualquer bebida, esta também deve ser apreciada com equilíbrio. 

Espero que tenham curtido a minha dica de Wine Drink de sexta e que, obviamente, curta bastante com os amigos! Ultimamente eu ando mais no clima do branco, rosé e espumante. Só assim mesmo para aguentar as altas temperaturas cariocas. Então, aguardem, pois em breve teremos mais novidades.

Bom fim de semana! Bons vinhos! Ótimos drinks! Tim-Tim!

 

 

Wine Drink: Um Bellini Para Fazer Em Casa

Sabadão e nada melhor que experimentar drinks com vinho. Esse eu já testei em casa e, sem dúvida, é um dos meus preferidos. Facílimo de fazer, o Bellini vai superbem como welcome drink para as suas visitas. Chique e delicado, tem tudo para impressionar.

HISTÓRIA

Um drink que inspirou grandes artistas, o Bellini ficou famoso justamente pelas celebridades que passaram pelo balcão do Harry’s Bar, em Veneza, onde em 1945 Giuseppe Cipriani criou o famoso coquetel, que fora batizado com o nome Bellini três anos depois.

23427667510_3c820edd1f_b

Entre os frequentadores, estavam simplesmente nomes como Ernest Hemingway, Arturo Toscanini, Charles Chaplin, Winston Churchill, Sumerset Maughan, Marcelo Mastrianni, Humphrey Bogart, Lauren Bacall, Pablo Picasso e Truman Capote, entre tantos outros.

Há várias histórias sobre a origem do nome Bellini. Algumas fontes dão cota de  que o coquetel fora batizado desta forma em homenagem a dois diferentes pintores venezianos renascentistas. Uma delas indica Jacopo Bellini (1400 – 1470). Outras, já indicam o pintor Giovanni Bellini (1436-1516) como fonte de inspiração. Enfim, toda essa confusão torna o coquetel ainda mais interessante.

Vamos para a receitinha! Anote:

BELLINI

Ingredientes:
– 100 ml de Prosecco ou Espumante Brut
– 500ml de purê de pêssego (suco de caixinha também vale – prefira as versões sem açúcar)

A receita original pede o uso da polpa de pêssegos esmagadas e feita como um purê, misturada com o Prosecco. Se não encontrar um bom Prosecco, substitua por Espumante Brut. Tudo feito lentamente de modo a não causar perda excessiva de gás do espumante. Em seguida, deve ser servida em taça flûte.

Aqui em casa, usei um suco de pêssego de caixinha, do tipo light (sem açúcar). Mas, com certeza a versão original deve ser muito melhor! Porém, nem sempre está na época do pêssego e fica meio difícil encontrá-lo in natura. Aí, basta improvisar e desfrutar.

Que tal testar nesse fim de semana? Acredito que seja possível elaborar esse coquetel com qualquer tipo de espumante, apesar da receita original pedir Prosecco. Como em todos os Wine Drinks, o que vale é exercitar a criatividade.

Tim-Tim! Salute! Proust! Santé! Cheers!