Como as Rolhas São Fabricadas?

Está aí algo que bem antes de ser apreciadora de vinhos eu já me perguntava. Então, eu já sabia que o material das rolhas era natural e extraído da natureza. Mas, como eram feitas? Curiosa do jeito que sou, fui logo enveredar-me pelos sites de busca, a fim de solucionar minha dúvida.

cork-508427_640

E descobri que a cortiça vem de uma árvore linda, chamada Sobreiro, muito comum em Portugal. Realmente, quando estive na terra de Camões, em 2015, vi muitos deles ao longo de toda a rodovia, grande parte com as cascas de seus troncos cortadas.  Mas, como isso é feito mesmo? Bora descobrir!

O SOBREIRO

O sobreiro, sobro, sobreira ou chaparro (Quercus suber) é uma árvore da família do carvalho, cultivada no sul da Europa e a partir da qual se extrai a cortiça. O sobreiro é, juntamente com o pinheiro-bravo, uma das espécies de árvores mais predominante em Portugal, sendo mais comum no litoral do Alentejo e serras do Algarve.

Carlos_de_Bragança_01

O sobreiro também fazia parte da vegetação natural da Península Ibérica, sendo espontâneo em muitos locais de Portugal e Espanha, onde constituía, antes da ação do homem, frondosas florestas em associação com outras espécies, nomeadamente do gênero Quercus.

ROLHAS E CORTIÇA

Pois é, amigos, apesar dessas árvores serem numerosas na Europa, a demanda da indústria vinícola é tão grande que não se satisfaz com a oferta da matéria-prima. Afinal, uma vez atingida a idade adulta, a árvore produtora de cortiça só pode ser “colhida” a cada 9 anos (o processo é manual e retira apenas a casca, não causando qualquer tipo de dano à planta). Vale lembrar, ainda, que as cortiças de melhor qualidade são desenvolvidas após 25 anos. Ou seja, trata-se de um produto natural seletivo e, ao mesmo tempo, caro para as empresas.

De fato, os sobreiros começam a produzir depois de 15/20 anos, mas a primeira cortiça (chamada de cortiça macho) que vem retirada é de péssima qualidade: ela volta a crescer depois de 9/12 anos, chegando a 5 cm de espessura, sem as irregularidades e defeitos do primeiro ciclo. Nesta altura a cortiça fêmea está pronta para ser cortada.

PRODUTO CARO

As melhores rolhas, de 4/5 cm de comprimento e sem defeitos custam na Europa mais que umas garrafas de vinho barato, mas garantem duração medível em décadas. Para todas as outras o destino está decidido: após 10 anos, a rolha se estraga, com tendência a se esfarelar com o uso do saca-rolha ou, então, tem poros demais e, conseqüentemente, pouca resistência ao oxigênio.

PROCESSO DE PRODUÇÃO

E, agora, prontos para matar a curiosidade? Então, vamos explicar com o máximo de detalhes possíveis como as nossas queridinhas são fabricadas. Atenção às legendas!

cortiça0
O ano de vida da árvore é marcado no tronco, de modo que a mesma não seja cortada na hora errada.

cortiça
A etapa do corte é a mais delicada. É retirado somente o felogênio, deixando intactos os extratos sucessivos, a fim de não prejudicar o recrescimento. A operação é feita minuciosamente de forma manual, a golpes de machado.
cortiça2
Desta forma se parecem as cascas logo depois de serem cortadas. Em geral, as empresas maiores as guardam logo em um ambiente protegido para evitar a contaminação indesejada.
cortiça3
As cortiças passam em um fervedor, que, ao mesmo tempo, as desinfeta, limpa e as torna mais elásticas.
cortiça4
Após a ebulição, as cascas, são prensadas, esticadas e submetidas a uma primeira seleção. As sobras da produção serão usadas para as rolhas técnicas: feitas de lascas de serragem coladas e prensadas.
cortiça5
É hora da perfuração, uma fase importantíssima: deve-se escolher as melhores partes da cortiça para “extrair” as rolhas.
cortiça6
A primeira seleção é feita com um leitor óptico. Um jato de ar vai dividir as rolhas conforme qualidade e medidas.
cortiça9
A etapa final é a seleção, feita manualmente. As rolhas oriundas de um único pedaço de cortiça são divididas por tamanho (altura), porosidade e eventuais pequenas lesões. Cada fabricante pode ter até cinco variedades diferentes no catálogo de uma rolha mono-peça variando de um custo mínimo de 0,20 centavos a 1,50 centavos de dólar por garrafas.

Vale lembrar que Portugal produz 60% de toda a produção mundial, seguido por  Espanha e Itália. Pequenas parcelas procedem de Marrocos, Argélia e Tunísia.


Fiquei muito feliz em escrever esse post, pois quando a gente realmente aprecia algo, sente sim, curiosidade de saber como tudo é feito. Sendo assim, ao desarrolhar uma garrafa, percebemos mais ainda o quanto de história a mesma carrega – não só de quem produz as uvas e o vinho, mas daqueles que cultivam essas lindas árvores, responsáveis pela fabricação das rolhas que vedam com tanto esmero as nossas preciosidades.

Quem acompanha o Vila, sabe o quanto sou louca por rolhas! Elas estão presentes na identidade visual do blog, inclusive nas redes sociais. Sem falar que volta e meia dou ideias do que fazer com elas. Além de colecionar e vê-las lindas num pote, podemos, ainda, criar mil e um objetos lindos de artesanato. 

Boa semana! Ótimo vinhos! Tim-Tim!

Referências:  Wineanorak, Wikipedia.

Anúncios

Wine Decor: Mais Ideias Mirabolantes Com Vinhos

O pessoal já estava me perguntando sobre as postagens de decoração. Pois é, sou apaixonada por todo objeto feito com rolhas, garrafas e tudo mais. Por isso, hoje trouxe mais algumas fotos maravilindas para vocês. Muitas ideias na cachola para deixar a casa ainda mais bonita.

09b4db0ae7ab41dc6ea69ab0ea20e66c
Se eu tivesse uma loja de vinhos eu nunca que iria deixar essas caixas rolando por aí. São lindas, com os selos das vinícolas. E de madeira, um charme!
16_rolhas-de-vinho-na-decoracao
Imagine passar de um cômodo a outro da casa com uma belezura dessa na passagem. É a famosa cortininha de contas em versão rolhas. De tão lindo chega a ficar sofisticado. Opção certeira para restaurantes de decoração rústica.
decoracao-garrafas-vinho-flores
Fato: Garrafas de Vinho e Flores foram feitos um para o outro.
enodecoracao-decoracao-sustentabilidade-garrafa-vinho-12
Aquele momento relax na banheira fica ainda mais perfeito com essas velas. Lindo de tudo!
decoracao_casamento_lueleo11_zpsf6aa606e
Ownnnn…. Essas cúpulas são muito amor. Como centro de mesa, então, ficam irresistíveis.
garrafas-decoracao
Assim como as flores, as velas também nasceram para ocupar nossas amadas garrafas. Lindo!
garrafas-de-vinho-na-decoracao_revista-zaz-4
E esses pendentes de garrafas? Charme garantido para a cozinha e até para a mesa de jantar.
rolha-de-vinho-na-decoracao-abajur
Essa cúpula de abajour elaborada com rolhas parece fácil de fazer. E olhem o resultado, como é lindo e ao mesmo tempo diferente!

Então é isso, galera da enofilia. Esse artigo sairia na próxima segunda-feira, mas como tenho outros planos, resolvi trazer essa belezura para vocês hoje mesmo. E sabem como faz para cortar a garrafa desse jeitinho? Enrole com um barbante embebido em álcool em torno dela. Depois, com o auxílio de um fósforo ou isqueiro, coloque fogo no barbante. ATENÇÃO, muito cuidado na hora do processo, a fim de evitar acidentes. Depois que fizerem, não se esqueçam de me enviar a foto ou postar no instagram com a hashtag #vilaviniferawinedecor.

Boa sexta! Bom final de semana! Ótimo vinhos! tim-Tim!

7 Ideias Charmosas de Decoração Com Rolhas

Vocês sabem que sou louca por vinho e decoração, né? Por isso, volta  e meia trago ideias bacanas e super viáveis de serem aplicadas em casa. No caso de hoje, basta um bom estoque de rolhas para criar objetos capazes de deixar qualquer cantinho cheio de bossa.

Confira essas belezinhas e se inspire. Eu já quero os porta-velas para amanhã!

1-tapete-de-rolhas-de-cortic3a7a
Banheiro também tem que ser bonito  e esse tapetinho deixa o cômodo ainda mais aconchegante.
tumblr_n61tizwqt61sjtv4oo1_500
Chaveiros para enófilo nenhum botar defeito. Lindos de viver!
cesta-de-rolhas
Essa cestinha faz a alegria de qualquer pic-nic. Só falta os queijinhos e a garrafa do seu vinho favorito.
modelos-variados-6
Esse descanso parece simples de fazer e, sem dúvida, leva mais praticidade para a cozinha. 
cork-backsplash
Falando em cozinha, estou sem palavras com tanta belezura

 

rolha07
Esse porta-velas é lindinho de tudo. Quero muito tentar fazer!
04599559700
Poltronas profissionais, belíssimas! Me imaginei sentada em uma delas com uma taça e um livro na mão. Perfeito!

Espero que tenham gostado e que essas ideias lhes sirvam de inspiração para deixar o lar todo trabalhado na enofilia.

Boa semana! Ótimos vinhos! Tim-Tim!

 

Vinho Bouchonée Já é Coisa do Passado

Quantas vezes você já abriu um vinho e percebeu aquele odor característico de bouchonée (contaminação da rolha por fungo TCA)? Não é comum, mas volta e meia acontece.

ND-Tech

Porém, se depender da Corticeira Amorim, episódios como esse vão ficar apenas na memória. A maior produtora de rolhas de cortiça do mundo anunciou recentemente o lançamento de uma rolha natural à prova de TCA (tricloroanisol).

O QUE É TCA?

TCA é uma espécie de fungo que faz com que os vinhos tenham um odor ruim de mofo, o famoso bouchonée. 

NOVIDADE: ROLHA NDTECH

A grande promessa da nova rolha NDtech é a ausência de TCA em níveis detectáveis pelos seres humanos, ou seja, menos de 0,5 nanogramas/litro. Tudo isso em uma rolha de cortiça natural! A novidade é fruto de um programa de investimento de 5 anos e 10 milhões de euros, empregados em um sistema de controle de qualidade. “Até agora, nenhum produtor de rolhas foi capaz de garantir um sistema de controle de qualidade aromático para cortiça natural que avalia rolhas individualmente”, disse Miguel Cabral, diretor de desenvolvimento da Amorim. 

NDTech-cork-stoppers

A empresa analisa cada rolha por meio de uma sofisticada cromatografia de gás que, em poucos segundos, torna a tecnologia viável em grande escala. Talvez seja por isso que a NDtech tem sido considerada uma das maiores inovações do setor nos últimos anos.

Ultimamente, as empresas têm se esforçado ao máximo para criar soluções para que o nosso contato com o vinho seja cada vez mais perfeito. Isso é muito legal! Só quero ver essa rolha na prática

Referência: Revista Adega – Imagens: Divulgação.

Wine Decor: Apaixonados por Rolhas

Apreciar vinhos não é simplesmente beber e aproveitar cada momento com uma taça na mão. O gosto pela bebida já se tornou um estilo de vida, que vai muito além da simples degustação.

champagne-cork-1350404_640

No último post, falamos sobre o saca-rolhas. Por isso, não poderia deixar de mencionar todo o significado contido na própria rolha em si. São as figurinhas do nosso álbum! Eu simplesmente amo as de cortiça (dá para perceber pelo layout do blog).

COLECIONANDO ROLHAS

Muitos enófilos adoram colecionar rolhas, sobretudo aquelas que fizeram parte de celebrações, reuniões com amigos queridos, jantares românticos…ah, eu poderia ficar aqui horas enumerando tantas ocasiões especiais regadas a vinhos…E as rolhas já são, por si só, muito charmosas, seja por um formato inusitado ou pela logomarca da vinícola impressa na cortiça. Quando se reúne todas em um quadro ou recipiente de vidro, por exemplo, o efeito é rústico e ao mesmo tempo estiloso. Quem curte sabe!

caps-977500_640

Antigamente, eu tinha uma jarra na qual juntava as rolhas. Aí, com o tempo já não cabiam mais no recipiente e eis que descobri que o Rodrigo Hart, do Empório Lar, fazia quadros maravilhosos para armazená-las. Além de superútil é lindo e, de quebra, ainda decora a casa de um jeito superbacana. E diferente dos outros quadros que vejo por aí, esse comporta MUITAS rolhas, visto que possui uma ótima profundidade. Quem me conhece sabe que degusto muitos rótulos e acredite: não chegou nem na metade.

quadro_rolhas
Meu Quadro de Rolhas que Amo

MEMÓRIAS E REGISTROS

Rolhas também podem tornar os momentos com os amigos inesquecíveis! Basta escrever nas mesmas a data e o nome das pessoas que degustaram o vinho em sua companhia. Daqui a algum tempo, você vai se recordar com carinho daquela comemoração e das pessoas que fizeram parte dela.  Sei que já falei sobre isso aqui antes, mas não custa nada reforçar delicadezas como essa.

8595885861_463296e9e9_b

ARTESANATO COM ROLHAS 

Pesquisando pela enosfera, encontrei uma infinidade de objetos construídos com rolhas. É para soltar a imaginação! Eu mesma já tive vontade de me arriscar neste tipo de artesanato, que além de tudo é uma baita higiene mental. São muitas ideias superoriginais, seja para decorar a casa ou como utilidade, por exemplo, apoio para cartões de visita,  caixinhas, quadro de recados, velas, casinha de passarinho, descanso para panelas, porta-retratos, poltronas (sim! toda de rolhas!), entre outros.

Sem falar nos pequenos vasinhos com suculentas, pelos quais me apaixonei imediatamente. Já imaginei esse mini-jardim-vertical na minha casa. Muito fofinho! Dá só uma olhada nessas belezuras para você se inspirar:

É cada ideia mais linda que a outra! Já confeccionou algo inusitado com rolhas? Que tal experimentar? Eu fiquei com vontade de criar umas coisinhas. Se for se aventurar, me conta como foi. Por hora, continuo garimpando novas ideias.

Então é isso. Vinho é muito mais que uma paixão. Trata-se de um estilo de vida que agrega;une as pessoas. E as rolhas são pedacinhos de memórias desses ótimos momentos.

Ótima semana! Ótimos vinhos! Tim-Tim!

Sobre rolhas e recordações

Cada garrafa de vinho tem muito mais a oferecer que experiências sensoriais agradáveis. Nossas queridinhas, muitas vezes, são responsáveis por momentos inesquecíveis, que guardamos na memória por anos.

wine-912766_640

A ceia de natal com a família, a formatura, o casamento, aquele primeiro jantar romântico com seu amor…. quase sempre tiveram vinhos como coadjuvantes.

Por isso, uma sugestão bacana é a de guardar a rolha do vinho da ocasião, escrevendo nela a data e as pessoas que participaram da comemoração ou simplesmente daquele bate-papo regado a histórias e muitas risadas.

Você poderá guardá-las em um vidro ou porta-rolhas, que darão um charme todo especial à decoração da sua casa. Aqui mesmo, eu tenho o meu cantinho do vinho, que adoro! É onde sento com minha taça, um bom livro e relaxo de um dia estressante de trabalho.

wine-912765_640

Daqui a alguns anos, você vai se divertir e se emocionar ao ler as rolhas e relembrar cada momento ao lado das pessoas que ama.