Descubra as Diferenças entre os Vinhos Biodinâmicos, Orgânicos e Naturais

Descubra as diferenças entre vinhos orgânicos, naturais e biodinâmicos. Não é tudo a mesma coisa, viu?

Vila Vinífera

Então, estava eu assistindo um programa de TV sobre vinhos aqui com o marido. E no momento em que os trabalhadores do vinhedo começaram a fazer adubo para as videiras, afirmando que “estavam passando as energias positivas”, o marido saiu da sala…ahahahaha… “Ah, parei! Que coisa mística, que frescura!”. Porém, o próprio produtor biodinâmico disse em entrevista que não tinha “nada de místico”.

photo-1423483641154-5411ec9c0ddf

Sim, acredito que muitos telespectadores (inclusive você, que está me lendo agora), devem ter ficado com a pulga atrás da orelha: “Que raios é isso, de vinho orgânico? Biodinâmico? Natureba? Bicho-Grilo?”. Mais uma vez, decidi pesquisar e ir à caça de informações. Afinal, uma boa dose de conhecimento pode quebrar muitos preconceitos.

VINHOS ORGÂNICOS 

Os vinhos orgânicos são conhecidos pela ausência de práticas agressivas e invasivas desde o vinhedo, nos quais o uso de herbicidas, pesticidas, fertilizantes e qualquer outro aditivo tóxico industrial é totalmente proibido

Ver o post original 407 mais palavras

Wine Drinks: Mimosa é Garantia de Sabor e Elegância

Mimosa supercombina com a estação e é superfácil de fazer!

Vila Vinífera

O calor está aí instalado e não há nada que possamos fazer para reverter esse quadro, retornando ao friozinho de antes. Sendo assim, o melhor é se entregar e lançar mão de espumantes, brancos, rosés e drinks geladinhos.

orange-juice-410333_960_720

Em busca de receitinhas de wine drinks, me deparei com um coquetel que eu amo, sendo que o mesmo ainda é super prático e fácil de preparar. Sabe aquela bebida simples que surpreende? O Mimosa é assim! Fica perfeito para receber seus convidados em um dia quente, ao ar livre, não importa se a ocasião é almoço, jantar ou pic-nic. Ao mesmo tempo, cai bem numa noitada animada, dessas com muita música e gente bacana.

HISTÓRIA DA MIMOSA

O Mimosa é um coquetel superchique, geralmente servido em hotéis de luxo e voos de primeira classe. Os ingredientes são os mesmos do Buck’s Fizz, um drink bem parecido, sendo que neste caso é possível utilizar o…

Ver o post original 392 mais palavras

Notas de Prova: Novo Moscatel RAR, Direto do Vale de São Francisco

Enoamigos, hoje cheguei com mais um post da série Notas de Prova. Desta vez com um Moscatel que recebi no kit do mês do Club RAR, empresa do lendário Raul Randon. Aliás, faz um tempo que sou fã da marca, sobretudo dos queijos e vinhos (em parceria com a Miolo Wine Group). A linha Gran Formaggio, por exemplo, é de alta qualidade e uma delícia!

rar_moscatel.png

MOSCATEL DO VALE DE SÃO FRANCISCO

Então, vamos falar do vinho. Os moscatéis brasileiros estão superbadalados e têm conquistado medalhas pelo mundo afora. E um dos terroirs que vem chamando a atenção na produção de espumantes desse estilo no Brasil é o Vale de São Francisco, em Pernambuco, próximo de Petrolina. Sem dúvida, é um local que tenho muita vontade de conhecer e está no meu roteiro de Wine Tour.

centro-81150
Vinhedos do Vale de São Francisco – Foto: Uol

Ok, nem todo mundo curte um vinho docinho. E, sim, o Espumante Moscatel da RAR é um Vinho de Sobremesa, mas que também pode ser apreciado como aperitivo, antes do início dos trabalhos. Eu sou do tipo que acha que existe um estilo de vinho para cada momento. E a uva moscatel, por sua doçura (pense na reputação dos moscatéis de Setúbal, por exemplo..) fica maravilhosa em rótulos que harmonizam perfeitamente com sorvetes, tortas e doces de frutas, em geral. Inclusive, a minha favorita é com torta de maça ou limão – e quem me conhece sabe que se trata dos meus doces favoritos.

Vale ressaltar, ainda, que o método de produção é o ASTI, com uma única fermentação em tanques de inox.

OPÇÃO REFRESCANTE PARA O VERÃO

Tenho vários amigos e amigas que são fãs dos espumantes moscatéis e que, sim, levam essa delícia para além da sobremesa. Geladinho, num dia quente de verão à beira da piscina, por exemplo. Ou até na praia! Por seu baixo teor alcóolicoe açúcar residual, acaba sendo uma opção mais leve para aqueles que não curtem vinhos secos e cerveja.

WhatsApp Image 2017-11-23 at 11.40.39

ANÁLISE: NOTAS DE PROVA

VISUAL: Amarelo-palha claro, com nuances verdeais e perlage fina e persistente. Espuma muito cremosa! 

OLFATIVO: Além do cheiro característico da uva (o Moscatel é um dos poucos vinhos em que o aroma da uva se sobressai), também é possível perceber outras frutas, como pêra, abacaxi e maçã verde. Além disso, é bem “florido” e com um toque de mel irresistível. É realmente muito agradável no nariz!

GUSTATIVO: Na boca é doce, sem ser enjoativo. Possui uma boa acidez e equilíbrio. A gente sente a cremosidade na boca. É leve e um parcerio ideal para sobremesas à base de frutas.


COMPLEMENTO DO KIT DO CLUB RAR

O RAR é um Clube que vai além do vinho, tendo uma pegada mais gourmet. Tanto que recebi, além do Espumante Moscatel, uma bandeja do Queijo Gran Formaggio Grana Padano, que eu amo! Sem brincadeira: é um dos melhores granas que já degustei. Ele é salgado, cremoso em boca e, ao mesmo tempo, com um toque adocicado.

O kit vem, ainda, com um Molho Pesto Rosso Italiano, perfeito para combinar com o Spaghetti Al Nero Di Seppia, também uma iguaria do país da bota. Vale destacar que a massinha (que eu ainda não provei, mas o farei em breve) é elaborada com sêmola de trigo de grano duro e tintura de lula. Ou seja, deve ficar o máximo também com um molho à base de camarão ou frutos do mar. Curti tudo!

Ah, se você quiser receber um kit como esse todos os meses, é só acessar o site da RAR. Lá você encontra, além de um link para se associar ao Clube, várias sugestões de vinhos, presentes, enfim, tudo muito bacana e delicioso.


Então é isso, meus queridos! Amanhã é sexta e com certeza vou divulgar uma receitinha de Wine Drink aqui para vocês. Espero que tenham curtido o post.

Até a próxima! Ótimos vinhos! Tim-tim

*Este post é um publieditorial.

 

 

 

Conheça Rhodter Rosengarten, o Vinhedo Mais Antigo do Mundo em Produção

Sabemos que o vinho existe desde os tempos mais remotos. Mas, você já se perguntou qual a vinha mais antiga do mundo em produção até hoje? Pois o site Wines of Germany constatou que essas videiras estão na Alemanha, no vinhedo Rhodter Rosengarten.

viña-en-alemania

As uvas são produzidas de vinhas originais, que estão por lá desde antes da guerra dos 30 anos, que ocorreu entre 1618 e 1648, na região alemã do Palatinado.

 RHODTER ROSENGARTEN

Há 400 videiras ao longo dos 900 m² de vinhedos, a maioria provenientes da uva Gewürztraminer, em meio a algumas da cepa Silvaner.

A viticultura, no entanto, tem uma longa história em Rhodter, uma vez que é dito que os romanos começaram a viticultura nesta área. Na Idade Média, a região já era conhecida por seu vinho Gewürztraminer. Em 1603, Margrave Ernst Friedrich de Baden comprou a cidade inteira. Em seu castelo de 1200, ele e seus sucessores governaram até o ano de 1801.

20687128_494777000859780_1814251149981646848_n

Aliás, foi o Margrave que transformou completamente a cidade e instalou o comércio de vinho local. Em seguida, ergueram-se as mansões dos produtores, que podem ser vistas até hoje – 80% da aldeia é formada por construções históricas (belas casas com arcos antigos).

BELEZA E TRADIÇÃO

A beleza da região, apelidada de Toscana do Norte, não passou despercebida por governantes e reis: o rei Ludwig I. da Baviera teve seu palácio de verão construído em 1846, logo acima da aldeia, numa encosta romântica: a Villa Ludwigshöhe.

Villa_Ludwigshoehe03
Villa Ludwigshöh

A importância que a viticultura tem para a população traduz-se pela especialidade local: o vinho é servido não só no vidro palatinado tradicional “Schoppen”, que contém meio litro de vinho, mas também no “Rhodter Piff”: um copo de vinho que contém um litro inteiro de vinho.

Apesar dos séculos de idade, as videiras de Rosegarden produzem, ano após ano, cerca de 500 litros de vinhos. Entre os mais famosos está o Gewurztraminer da fazenda Arthur Oberhofer, em Edesheim. O vinho seduz não só pela idade, mas também pelo aroma de Rosas, tão típico da Gewurztraminer e que reflete perfeitamente o nome do lugar, “Rhodter Rosengarten”.


Gente, a Gewurztraminer é uma das minhas castas brancas favoritas, sobretudo pela aromaticidade (amo vinhos perfumados!). Com certeza é uma boa aposta para esses dias mais quentes. E, sem dúvida, os vinhedos alemães estão entre os que gostaria de conhecer, até porque adoro o país e toda sua cultura.

Então é isso, enoamigos! Até a próxima, com mais novidades! Ótimos vinhos! Tim-tim!

Referência: http://www.recetum.com

Vinho & Saúde: 9 Motivos Para Adotar o Vinho Como Estilo de Vida

Razões de sobra para ingressar no mundo do vinho. Vem!

Vila Vinífera

Sim, você não leu errado! Certamente os apaixonados pelo néctar  já adotaram o fermentado como estilo de vida. Ou seja, é comum ver a galera da enofilia sair para degustar vinhos com os amigos, isso quando não estão em casa cozinhando com vinhos ou arrumando as garrafas na adega. Mas o que muita gente ainda não se deu conta é que, além de ser delicioso e ativar os sentidos, a bebida dos deuses ainda faz superbem para saúde. 

Então, se você ainda não optou por degustar uma tacinha, seja diariamente, durante as refeições, ou junto dos amigos no fim de semana, dá só uma olhada em todos os benefícios que o vinho pode trazer para você:

1. REDUZ O RISCO CARDÍACO

Diversos estudos realizados ao longo dos anos constataram que o consumo moderado de vinho ajuda a manter o coração saudável, fazendo com que o colesterol não se deposite nas…

Ver o post original 398 mais palavras

Wine Drinks: Refrescante de Coco Verde e Vinho Branco

Mais um Wine Drink refrescante para o seu fim de semana!

Vila Vinífera

Então, enoamigos, a primavera chegou, mas aqui no Rio o clima está mais para verão do que para outra coisa. E foi pensando nisso que hoje trago para vocês um Wine Drink com estilo praiano, totalmente leve e descompromissado.

como-fazer-pina-colada-1024x1024

Amanhã combinei de encontrar os amigos na praia e nada como relaxar com um coquetel desse. Em se tratando se coco, é bem melhor que Piña Colada, na minha humilde opinião.

Ah, e ainda é uma ótima opção para quem está em busca de uma bebida light e saborosa.

ÁGUA DE COCO: UMA BENÇÃO PARA A SAÚDE

Conhecida como “água da juventude”, a água de coco, além de refrescante, é rica em potássio, cálcio e magnésio, minerais importantíssimos para a nossa saúde. Sem falar que a bebida é boa para o coração e outros músculos. Assim como a banana, ela também evita evita cãibras, porém com uma vantagem: possui quase nada…

Ver o post original 387 mais palavras

Confira 6 Combinações Clássicas Entre Vinho e Comida

Combinações maravilhosas entre vinho e comida!

Vila Vinífera

Um dos super-poderes provenientes dos vinhos é o de potencializar o sabor de determinados ingredientes culinários. Experimente colocar o alimento na boca e o vinho logo em seguida. Pouca gente faz isso. Às vezes nos atentamos em harmonizar um prato, mas não o ingerimos ao mesmo tempo com a bebida. O resultado é pura mágica, uma combinação perfeita!

Existem combinações clássicas entre vinho e comida. São aquelas em que todo mundo  se arrisca, pois não têm erro. Vejamos algumas delas:

Entradas

1- Champanhe e Caviar

Independente da harmonização, caviar e champanhe são artigos luxuosos e sofisticados, que ao serem degustados juntos, realmente se completam. É o que chamamos de casal perfeito. Ovas de caviar são oleosas e salgadas. Entretanto, quando combinadas ao champanhe, estas se transformam em um patê aerado, que envolve a boca com uma sensação agradável, tanto quanto a efervescência do espumante. Para o champanhe, hoje em dia há muitas alternativas. Nossos espumantes…

Ver o post original 487 mais palavras