Wine Drinks: A História da Sangria

Sem dúvida, a Sangria é um dos drinks mais populares entre os brasileiros. Só perde para a caipirinha! E, sim, ela é feita com o nosso néctar de Baco. Quando criança, tenho lembranças de ir a restaurantes com meus pais e vê-los pedir sangria, numa época em que os vinhos finos tinham o preço elevado e a alternativa para essa delícia era o bom e velho vinho de garrafão.

 

Pois bem, os tempos são outros (que bom!) e as sangrias se sofisticaram. Hoje em dia, desfrutamos de sangrias de vinhos tintos, rosés, branco (o famoso Clericot) e até azul, que virou moda na Europa. E vocês conhecem a história desse clássico Wine Drink?

sangria2

Bora descobrir!

Durante anos, a sangria tradicional ocupava das toalhas xadrez de piquenique aos restaurantes com mesas ao ar livre. Afinal, esse drink  tem o poder de se adaptar a qualquer ocasião. A receita clássica, todo mundo sabe. Basta misturar seu vinho favorito a qualquer ingrediente a mão, os mais emblemáticos são frutas e ervas aromáticas.

COMEÇOU COM GREGOS E ROMANOS

Sangria é um nome espanhol. E, realmente, se trata de um dos coquetéis mais tradicionais da terra de Cervantes. Porém, os primeiros a misturar seu vinho com açúcar, especiarias, frutas e tudo o mais que estivesse disponível foram os gregos e os romanos. Na época, essa bebida era chamada de “Hipócrates” e às vezes era aquecido como vinho quente. O Hipócrates é provavelmente um antepassado comum entre a sangria e o vinho quente e foi consumido em todos os lugares em que a água era infestada de bactérias e insegura para beber.

sangria2 (1)

Ou seja, um toque de álcool deixava o líquido “bebível” e misturar frutas e especiarias diluía o vinho ao mesmo tempo que dava sabor. Na Espanha moderna, o povo fazia algo semelhante com o néctar de videiras plantadas pelos fenícios em torno de 1.100 a.c e, posteriormente, com as vinhas plantadas pelos romanos. 

ATÉ QUE ENFIM, ESPANHA!

Porém, nos anos 700, o negócio do vinho espanhol e, de quebra, o negócio da sangria espanhola, caíram por terra. Os mouros islâmicos conquistaram a península em 711 e a Sangria não retornou até que a invasão dos mouros terminou em 1492. A partir daí, com o retorno do vinho, houve o retorno da sangria.

O nome Sangria, em espanhol, tem a ver mesmo com sangue e se refere ao vinho tinto utilizado na bebida. Tradicionalmente, ela era elaborada com Tempranillo espanhol, entre outros vinhos da região da Rioja. Mas, apesar disso, é fato que existem vários estilos de sangria e até hoje o povo solta a criatividade. 

FRANÇA, INGLATERRA E PRONTO! A SANGRIA GANHA O MUNDO!

Logo, nos anos 1700 e 1800, outros tipos de sangria foram criados na Inglaterra e na França, com uvas tradicionalmente francesas. Havia sangria de vinho branco, espumante e a elaborada com pêssegos, chamada “Zurra”. A bebida, em todos os seus estilos, teve, ainda, flashes de popularidade nos EUA, sobretudo em restaurantes espanhóis e determinados bares das grandes cidades.

sangria1

Até a Tailândia, que não tem nenhuma herança européia, possui sua versão da sangria, feita com saquê e curaçao. Devido ao nosso intenso calor, a sangria, obviamente, também se popularizou no Brasil. Ultimamente, o Clericot (feito com vinho branco) virou moda por aqui. Chique e refrescante!

De forma bem objetiva, a sangria é feita com 1/3 de tinto seco, 2/3 de água, pedaços de frutas como maçã, uvas, peras e abacaxi, e açúcar a gosto. Mas, dependendo do país, região e estação do ano, a receita pode mudar em relação à variedade das frutas e à mistura de outras bebidas.

Atualmente, de acordo com a legislação europeia, toda sangria deve ser feita na Espanha ou em Portugal, com menos de 12% de álcool por volume. A melhor sangria, no entanto, é  aquela que a gente faz em casa mesmo!

RECEITAS DE SANGRIA

Agora, com vocês, algumas receitas de sangrias da nossa série Wine Drinks. Para fazer em casa e saborear.

Sangria Rosé

Sangria de Romã e Alecrim, Skinny Girl Sangria, Sangria de Vinho Branco com Melão e Kiwi

Clericot Tropical

 


Então é isso, enoamigos! Sexta-feira e nada como curtir uns bons drinks com os amigos. Se for com vinho, então, é bom demais!

Até a próxima! Ótimos vinhos! Tim-Tim!

Referências: VinePair, Sonoma

 

 

Anúncios

WineChef: Sorbet de Framboesa com Vinho

Mais uma vez, após algumas horas zapeando a internet em busca de receitas elaboradas com o nosso néctar de Baco, me deparei com essa delícia de sorbet. Já quero!

zinfandel-chocolate

O QUE É SORBET?

Diferente do sorvete, o “sorbet” é elaborado com água e frutas, sendo, por si só bem mais simples e leve, com uma textura granulada bem característica. Não possui nenhum tipo de gordura, seja a vegetal ou a animal. Logo, o resultado é um “sorbet” com consistência bem mais fina, muito usado para limpar o paladar ao final de uma refeição.

Tanto o sorvete quanto o sorbet são compostos por pequenos cristais de gelo formados durante sua produção. Por isso, recomenda-se que seja armazenado de forma adequada, ou seja, mantenha-o no freezer numa temperatura média de -18ºC, tomando cuidado para nunca deixar que chegue ao estado liquido.  Só assim o sorbet manterá suas características.


SORBET DE FRAMBOESA COM VINHO

Agora, vamos à receita do Sorbet de Framboesa com Vinho. Para fazer essa delícia, você vai precisar de apenas quatro ingredientes (três, se contar que um deles é a água que a gente tem em casa).

IMG_6300

Para fazer essa delícia, é necessário ter uma máquina de sorbet, como a famosa Yonana. Sei de muita gente que tem e não sabe o que fazer com ela. Então, a hora é essa! Estou louca para testar aqui.

Anote a receita:


Ingredientes

1 xícara de açúcar
3/4 xícara de água
1 garrafa de vinho tinto frutado, como Merlot, Zinfandel ou Beaujolais
3 xícaras de framboesas (congeladas ou frescas)

Modo de Fazer

Numa panela média, leve o açúcar, a água, as framboesas e o vinho tinto e deixe ferver por 1 minuto, mexendo até dissolver o açúcar.
Retire do fogo, cubra e deixe repousar por 1 hora.
Para triturar as bagas e remover as sementes, despeje a mistura num processador de alimentos ou liquidificador até ficar homogêneo. Em seguida, usando uma espátula de silicone, pressione a mistura através de um coador, colocando-a numa tigela média. O ideal é que não reste nenhum vestígio de sementes das framboesas.
Cubra e refrigere até ficar completamente gelado.
Congele numa máquina de sorbet (do tipo Yonanas) de acordo com as instruções do fabricante.


Sem dúvida, é uma sobremesa fácil de fazer e ao mesmo tempo uma opção perfeita para encerrar um jantar romântico ou reunião com os amigos. Quero experimentar fazer sem o uso da Yonana (só colocando no Freezer), para ver como é que fica.

IMG_6266

Com certeza darei o feedback para vocês!

Então é isso, enoamigos! Até a próxima!

Boa semana! Ótimos vinhos! Tim-Tim!

Referência: Butterlustblog.com

 

 

 

Wine Drinks: 3 Coquetéis com Espumante para Agitar Seu Happy Hour

Além dos vinhos, eu amo o mundo da coquetelaria! Tanto isso é verdade que não abro mão dessa série de posts, que sem dúvida é uma das mais amadas pelos meus leitores, desde o início do Vila. Para mim, trata-se de uma ciência quase como a da gastronomia. Só que, aqui, é a magia de reunir nuances e sabores para criar uma bebida única e inesquecível!

MINIDRINKS008-Blog-2

Sim, sabores alcoólicos instigantes, como o do nosso amado Espumante Brut! Para esses casos, as pessoas costumam usar um Charmat para economizar. Mas, na sinceridade? Eu arriscaria um vinho elaborado pelo método tradicional (champenoise), mais complexo, sobretudo em aromas. Aquele cheirinho de “pão tostado’ faz sim, toda a diferença! Amo!

E foi pensando nisso que hoje trouxe 3 receitas deliciosas de Winedrinks com Espumante. Seja para você curtir num happy hour com os amigos ou num momento a dois, com certeza elas são garantias de sucesso!

1- BIG APPLE

Ingredientes
1 colher (sobremesa) de açúcar ou adoçante
1 colher (café) de canela em pó
1 fatia fina de maçã verde em meia-lua
90 ml de espumante brut
Modo de fazer
Numa tigela, misture bem o açúcar e a canela em pó. Envolva a lâmina da maçã com a mistura, formando uma crosta. Reserve. Em uma taça flûte ou tulipa, despeje o espumante. Junte a maçã em crosta e sirva.
big-apple-drink-com-champagne-ou-espumante
2- BERRY BUBBLES
Ingredientes
6 fatias finas de morango fresco
10 ml de licor de framboesa
10 ml de licor de amora
75 ml de espumante BRUT em uma taça flûte ou tulipa
Modo de fazer
Junte as lâminas de morango e os licores. Complete com o espumante e sirva.
berry-bubbles-drink-com-champagne-ou-espumante
3– FRISCO

Ingredientes
10 ml de xarope de hortelã
75 ml de espumante BRUT
1 folha de hortelã para decorar
Modo de fazer
Em uma taça, despeje o xarope e complete com o espumante. Decore a borda da taça com a hortelã e sirva.
frisco-drink-com-champagne-ou-espumante
Esses são drinks refrescantes e deliciosos, que combinam com qualquer estação do ano. Até para os dias mais frios, funcionam muito bem como Welcome Drink antes da degustação de brancos, rosés e tintos.
Ou seja, são chiques e fazem bonito em qualquer ocasião!
Então é isso, enoamigos! Até a próxima!
Ótimos drinks! Tim-Tim!
*Referências: Noiva com classe

Wine Drinks: Espanhola Para Levantar o Astral

Sexta-feira já? Sim, amigos do vinho, essa semana, literalmente, passou muito rápido! E cá estou eu para trazer mais um superwinedrink para vocês. A Espanhola é bem tradicional aqui no Brasil e bem conhecida nas rodas de amigos. É uma espécie de batida de vinho com abacaxi.

espanhola-cremoso

Falou em batida, de cara dá para perceber que não se trata de um caldo light. Afinal, vai leite condensado (Uau!). Mas sabe aquelas ocasiões em que a sobremesa se transforma na atração da festa? Gosto de dizer que a Espanhola combina mais com um gran finale que como um Welcome Drink. É para os seus convidados voltarem para casa felizes, tornando seu evento memorável.

E se uma receita já é tudo de bom, imagine duas! Pensando nisso, trouxe duas formas de se preparar esse mix icônico.

ESPANHOLA – RECEITA 1

Ingredientes

  • 1 lata de leite condensado
  • 1 litro de vinho tinto seco ou tinto suave
  • 1 abacaxi médio
  • Gelo

Modo de preparo

  • Comece descascando e cortando o abacaxi
  • Bata no liquidificador juntamente com o leite condensado e também com o vinho
  • Acrescente então o gelo e bata novamente
  • Sirva em copos largos e dê um toque especial enfeitando com pedaços triangulares de abacaxi

Rende 4 porções.

OBS: Uma dica bem bacana para dar mais sabor, é enfeitar as laterais da boca do copo com calda para sorvete. Hummmm… Delícia!

ESPANHOLA – RECEITA 2

Nessa outra opção, é possível incrementar a sua Espanhola usando, ainda, creme de leite e abacaxi em calda:

Ingredientes

  • 1 garrafa de vinho tinto seco
  • 1 lata de abacaxi em calda
  • 1 lata de creme de leite
  • 1 lata de leite condensado
  • Gelo picado (esse vem por último)

Modo de preparo

  • Bata todos os ingredientes no liquidificador
  • Coloque tudo numa taça e sirva junto com um pedaço de abacaxi enfeitando o seu copo
  • Sirva e saboreie

Rende 4 porções.

drink-espanhola


Então é isso, viníferos! O meu fim de semana promete ser bem agitado. E o de vocês? Tem alguma receita de drink com vinho que você mesmo criou? Conta para mim! Ela pode aparecer aqui no blog!

Ótimo fim de semana! Bons drinks! Vinhos Fabulosos! Tim-Tim!

Imagens: Receitas de Vó, Tudo Microondas. 

Wine Drinks: 5 Receitas de Coquetéis com Vinho Rosé

Quem me conhece sabe que não abro mão de um Rosé geladinho! E nem só de espumante e vinho branco vivem os coquetéis com nosso néctar sagrado. Sendo assim, hoje a série Wine Drinks traz receitinhas superfáceis e refrescantes elaboradas com o nosso néctar rosado. Anote e reproduza no recanto do seu lar.

  1. Sangria Rosé de Pêssego

peach-rose-sangria-3

Ingredientes

  • 1 garrafa de vinho Rosé (eu prefiro os no estilo da Provence, de cor salmão clara)
  • ½ xícara de licor de pêssego
  • 1 xícara de suco de pêssego
  • 1/3 xícara de xarope de açúcar (para fazer, é super simples: só ferver um pouquinho de água com açúcar até dissolver). 
  • 3 pêssegos em fatias
  • 1 xícara morangos cortados e framboesas

Modo de fazer

Em uma garrafa ou jarro, misture o vinho, licor, suco e xarope simples. Ajuste de acordo com seu gosto. Adicione frutas e leve à geladeira por várias horas. Sirva com gelo.

Receita by Julie’s Eats & Treats

2. Frosé

frozen-wine-cocktail-3

Ingredientes

  • 1 garrafa de 750ml de rosé (escolha um rosé seco)
  • ½ xícara de açúcar
  • ½ xícara de água
  • 250 gramas de  morangos, descascados e cortados
  • 60ml de suco de limão freco
  • 1 xícara de gelo
Modo de fazer
  • Despeje o vinho em uma assadeira grande e congele durante pelo menos 6 horas.
  • Leve a água para ferver. Adicione o açúcar e reduza o fogo enquanto mistura até o açúcar dissolver (nada mais nada menos que a receita do xarope de açúcar).
  • Adicione os morangos no xarope e misture bem. Deixe que a mistura descanse por cerca de 30 minutos.
  • Coe o xarope com morango em uma peneira e retire as frutas, não precisa amassar! Refrigere a calda por 30 minutos.
  • Coloque o xarope de morango, o suco de limão, o gelo e o vinho congelado em um liquidificador e bata até ficar homogêneo. Corra para o abraço!

Receita de Basil & Bubbly

 3. Rosé Tropical (Lindo!)

takin-a-beak-mindy-kucan-crdt-tk-330x410
Ingredientes
  • 60ml de rosé
  • 15ml de Gin
  • 30ml de suco de limão fresco
  • 20ml de xarope de grapefruit com canela (ver nota)
  • 30 ml de água com gás
  • Flores e raminho de hortelã para enfeitar

Modo de fazer

Misture o rosé, gin, suco de limão e xarope em um copo. Encha com gelo picado e cubra com água com gás. Mexa. Decore com flores e um raminho de hortelã.

Receita de Calda de grapefruit com canela: misture uma medida de açúcar com uma medida de água e deixe ferver. Quando o açúcar se dissolver, adicione canela em pó a gosto. Aguarde até que a mistura esfrie, em seguida, adicione a mesma quantidade do suco de grapefruit, ou outra fruta tropical.

Receita by Imbibe

4.Rosé Blueberry

ru282309-jpg-rendition-largest

Ingredientes

  • 3 xícaras de granita de Blueberry (ver nota)
  • 2 xícaras de sorvete de coco
  • 2 colheres de sopa de mel
  • 2 xícaras de mirtilos frescos
  • 1 garrafa de 750 ml de espumante rosé
  • 1/2 xícara de manjericão fresco picado

Modo de fazer

Faça a granita de Blueberry e congele. Coloque-a junto com o sorvete em seis copos de 300 ml. Cubra cada um com um fiozinho de mel e alguns mirtilos. Despeje o espumante por cima, decore e sirva na hora.

Receita de Granita de Blueberry

Ingredientes

  • 1 xícara de água
  • 3/4 xícara de açúcar
  • 2 colheres de chá de raspas de limão
  • 6 xícaras de mirtilos frescos
  • 2 colheres de sopa de suco de limão
  • 1/2 xícara de espumante rose
 
Modo de fazer

Em uma panela média, coloque água, açúcar e raspas de limão e deixe ferver em fogo médio, mexendo para dissolver o açúcar. Retire do fogo; transfira para uma tigela grande. Congele durante 15 minutos.

Enquanto isso, passe 4 xícaras de mirtilos em um processador junto com suco de limão, até atingir uma consistência quase de smoothie. Coe em uma peneira de malha fina e descarte os sólidos. Mexa o creme de mirtilo com 1/2 xícara de rose até virar um xarope. Despeje em uma assadeira retangular. Cubra e leve ao freezer por 1 hora. Raspe os lados com um garfo. Cubra e leve ao freezer por mais 2 horas mais ou menos até ficar firme, raspando os lados de vez enquanto.  

Receita de Pinterest | Better Homes And Gardens

 5. Limão Rosé Spritzer

20132360479_6c076537a6_b

Ingredientes

  • 1 xícara de vinho rosé seco
  • 60ml de St. Germain (licor de sabugueiro)
  • suco de ½ limão thaiti
  • gelo
  • água com gás
  • fatia de limão tahiti para decorar

Modo de fazer

Em um copo combine o rosé, St. Germain, e suco de limão. Encha 2 copos estilo long drink com gelo e despeje a mistura de rosé nos copos. Preencha-os até a borda com água com gás e decore com fatias de limões.

Receita by Hungry Girl por Vida


Então, enoamigos! Toda sexta-feira fico ansiosa para garimpar receitinhas de Wine Drinks para vocês. E, sim, essa série já virou um clássico aqui do Vila. Quando não posto, os leitores me cobram! Ainda dá tempo de comprar os ingredientes para animar seu fim de semana. Rosé está longe de ser vinho de “mulherzinha” como pregam os machistas mundo afora. É um estilo muito sedutor de fermentado, pronto para ser desfrutado por quem aprecia e deseja variar na degustação.
Boa sexta! Bom finde! Ótimos vinhos! Tim-Tim!

3 Wine Drinks com Jerez Para Saborear no Verão

Sexta-feira e cá estou eu com mais um post da série queridinha “Wine Drinks”. E você não leu errado: o Jerez fino é um néctar versátil na composição de coquetéis. Alguns bem refrescantes, viu? Eu já sabia disso e, ao garimpar as receitinhas de hoje, descolei 3 combinações irresistíveis, de autoria do Bartender Laércio Zulu, do bar paulistano “Boteco São Conrado”.

O Tio Pepe é um dos Jerez de La Frontera mais conhecidos. Foi criado em 1840 para homenagear o fundador da cave, sendo o primeiro a registrar sua marca na Espanha.

CLIQUE AQUI E SAIBA MAIS SOBRE OS FORTIFICADOS JEREZ/SHERRY 

Agora, tome nota dessas três delícias que irão incrementar o seu fim de semana vinífero.

1- PENÉLOPE

Ingredientes:

40 ml de Tio Pepe
40 ml de vodka
200 ml de licor de pitanga
10 ml de mel
15 ml de suco de limão tahiti 

tio-pepe-jerez-21-768x1152

Modo de Fazer: Basta misturar os ingredientes numa coqueteleira. Em seguida, coloque em uma taça própria para Martini, decore com casca de limão tahiti e corra para o abraço.

2- FRONTERA

Apesar de mais forte, esse wine drink é ideal para refrescar os dias mais quentes.

Ingredientes:

40 ml de Bourbon
30 ml de Tio Pepe
3 cubos de abacaxi
15 ml de suco de limão
De 3 a 5 gotas de Angostura

drink-frontera-tio-pepe-jerez-06-768x1152

Modo de Fazer: Basta misturar os ingredientes numa coqueteleira. Em seguida, coloque em uma copo próprio para Whisky e incremente com uma rodela de limão galego (aquele, encontrado na Roça). 

3- GOD SAVE THE SHERRY (Em Português bem claro, “Deus salve o Jerez”)

50 ml de gin The London nº1
30 ml de Tio Pepe
15 ml de xarope de açúcar
60 ml de cerveja Sofie
15 ml de suco de limão

tio-pepe-jerez-19-768x1152

Modo de Fazer: Basta misturar os ingredientes numa coqueteleira. Em seguida, coloque em uma taça própria para Vinho Branco e incremente com rodelas de limão siciliano. 


Espero que tenham se animado a provar novas formas de degustar o seu Jerez Fino. E se você estava na dúvida em investir numa garrafa, a hora é essa! Afinal, diferente do que muita gente pensa, Jerez e Verão também têm tudo a ver.

E dá tempo de providenciar os ingredientes para o sábado, hein? Convoque os amigos e surpreenda a todos com seus dotes de Bartender.

Boa sexta! Bom fim de semana! Bons Vinhos! Tim-Tim!

Referência: Blog Testosterona

Wine Drinks: Clericot Tropical Para Alegrar o Seu Verão

Amigos, depois de muito estudo nas minhas aulas da International Sommelier Guild, finalmente consegui um tempinho para garimpar mais um Wine Drink para vocês. Dessa vez, a minha inspiração veio dos coquetéis de verão, para beber na piscina, na praia (por que não?), enfim, nos encontros com os amigos, seja ou não à beira mar.

dreamstime_l_12852010-e1336749048377

E hoje me deparei com essa receita sensacional para aguçar os sentidos, inclusive na ceia de natal. Como Welcome Drink, é perfeito! Trata-se de uma White Sangria Tropical. Aqui, a dica é usar um vinho branco fresco e de boa acidez (ou seja, não vale Chardonnay, muito menos aqueles exemplares barricados). Na boa, quero fazer essa receita com um vinho verde. Tenho certeza de que vai ficar no ponto. Porém, acredito que também funcione com Sauvignon Blanc, Riesling e Pinot Gris.

Bora anotar a receitinha!

Ingredientes:

  • 1 Garrafa de Vinho Branco leve e de boa acidez (Vinho Verde, Sauvignon Blanc, Pinot Gris, Riesling…)
  • 1 xícara de Suco de Frutas Tropicais (abacaxi, pêssego, manga…)
  • 2 xícaras de suco de uvas brancas 
  • 1 laranja cortada em rodelas finas
  • 1 limão cortado em fatias
  • 1 maçã verde cortada
  • 2 pêssegos frescos cortados em 8
  • Se curtir, adicione também algumas fatias de pepino
  • Incremente com folhas de hortelã

Modo de Fazer:

Encha uma jarra com todos os ingredientes e deixe marinar por algumas horas, a fim de extrair o máximo de sabor. Coloque na geladeira, para manter bem geladinho. Sirva com bastante gelo. 


Mais uma receitinha simples e cheia de bossa. E tenho certeza de que você vai acabar tendo que distribuí-la para todos os convidados, pois é sucesso na certa! Eu me animei de preparar nas confraternizações de fim de ano.

12171

Então é isso, galerinha da enofilia! Sexta-feira, dia de relaxar, ainda mais após uma semana agitada como foi essa última.

Boa sexta! Bons vinhos! Tim-Tim!

Referência: http://www.cocktaildeeva.com/